ÚLTIMA ESPERANÇA

Rio Verde joga suas últimas fichas para não cair para a Segundona contra o Atlético neste sábado, no Velosão

O jogo está marcado para às 16 horas e a esperança é de que o Verdão consiga surpreender e marcar pelo menos um ponto. No treino desta sexta-feira de manhã, a diretoria do time ordenou o fechamento dos portões ao público, com receio de que torcedores pudessem partir para o confronto com técnico e jogadores do Verdão. Já no Atlético, depois da vitória contra fora de casa por 3 a zero diante do Itumbiara, o ambiente é de muito otimismo com a evolução técnica do time. O técnico Marcelo Cabo destaca importância de vencer Rio Verde, mas prega respeito: "Muito fortes dentro de casa" O time rubro-negro até aqui está 100% jogando longe de seus domínios. Foram três jogos e três vitórias (contra Iporá por 1 a 0; Itumbiara 3 a 0 e Crac 3 a 0). O técnico Marcelo Cabo comentou a importância de conseguir uma vitória contra o Rio Verde, já que o Dragão ainda não está com a vaga garantida para as semifinais. "Precisamos garantir esta classificação o quanto antes para que possamos ter tranquilidade para trabalhar nesta reta final da competição. Mas não podemos falar sobre isso, já que ainda não estamos classificados, temos uma difícil batalha contra o Rio Verde, eles são muito fortes dentro de casa. Respeitamos muito o time, mas esperamos fazer um bom jogo e trazer um resultado positivo para Goiânia", afirmou O treinador também falou da importância de tentar se consolidar nesta reta final do Goianão. "Precisamos mais do que nunca ter uma sequência de vitórias dentro da competição, algo que ainda não conseguimos e é muito importante. Temos quatro jogos pela frente e vamos tentar vencer todas, se alcançamos esta sequência de quatro vitórias, chegaremos ainda mais fortes para as semifinais", declarou.